A Cherry Irrigation Angola abre as suas portas em Quibala e faz (novas) ondas

A Cherry Irrigation Angola abre as suas portas em Quibala e faz (novas) ondas

O Dia da Independência de Angola, 11 de Novembro, assistiu este ano em Quibala, na província de Cuanza Sul, um frenesim de actividade. Os habitantes locais esperavam um habitante muito importante, nomeadamente o vice-presidente do País, Bornito de Sousa.

Milhares de pessoas vieram de toda a província desde muito cedo na segunda-feira, com bandeiras e cartazes a mostrarem o seu espírito patriota neste dia tão importante. Estradas acabadas de pavimentar encheram-se de gente com t-shirts com a bandeira angolana e a segurarem em balões pretos e vermelhos. Restaurantes e bares transbordavam pelas costuras com multidões de foliões orgulhosos e patriotas.

O Vice-Presidente De Sousa fez um discurso inspirador na praça central da cidade baseado no tema do 44° Dia da Independência de Angola, “Unidos pelo Desenvolvimento de Angola”.

 

A campanha mostra claramente a intenção do governo de estimular e capacitar os seus cidadãos. Ao mesmo tempo, De Sousa foi realista e honesto quanto aos desafios que Angola atravessa. Deixou bem claro que, com só com o esforço colectivo, poderá o país fazer progressos positivos.

Depois da cerimónia, o VP De Sousa reuniu com as entidades locais e visitou algumas empresas para se inteirar acerca dos projectos sócio-económicos actuais em Quibala e na província em geral. A visita incluía uma paragem no Centro Logístico e de Distribuição de Quibala (CLOD) nos subúrbios da cidade.

O CLOD é também o complexo onde a Cherry Irrigation optou por abrir o seu primeiro armazém e oficina em Angola. A razão desta escolha é bastante estratégica, já que Quibala fica situada na encruzilhada de importantes eixos agrícolas. Fica, por isso, numa localização ideal como plataforma de lançamento para os serviços especializados em irrigação e fertirrigação que oferecemos. A Cherry Irrigation Angola (CIA) planeia servir e dar apoio à comunidade agrícola local da região. Trabalharemos em estreita colaboração com as empresas comerciais e com os pequenos agricultores, ajudando-os a tirar maior rentabilidade e sustentabilidade do rendimento da produção.

A região de Quibala é conhecida por fazer uma contribuição fundamental para a segurança alimentar de Angola. Muitas centenas de hectares no Cuanza Sul possuem irrigação para milho, feijão, mandioca, vegetais e legumes, batata, batata doce e amendoim. Fruta, como a manga e os citrino são igualmente produzidos na região. A criação de animais e a produção de leite para produzirem leite e queijo situam-se também nesta parte do país. Não só isso, como também o facto de Quibala ser actualmente o centro de iniciativas por parte de investidores privados, no que se refere ao desenvolvimento de plantações de café e um mercado de exportação lucrativo dos grãos do café. Faz todo o sentido que estejamos aqui, e o VP De Sousa concorda connosco.

Quando o vice-presidente e a sua comitiva visitaram o nosso armazém, o nosso Director da Loja, Victor Meia, explicou os nossos serviços e valores. Foi notório que o VP já estava bem informado. Falou ainda com o Director de Marketing, Nelus de Waal, numa entrevista que passou na televisão. Mais ao fim da tarde, o canal nacional TPA entrevistou novamente De Waal, que há mais de vinte anos tem estado activo no sector agro-económico em Angola. A equipa de jornalistas chegou a registar imagens do stock do nosso armazém. Devido ao enfoque do governo de Angola na agricultura de subsistência, o Sistema de Irrigação Familiar NETAFIMTM, NETAKITSTM e Flexipump foram  mostrados no noticiário.

Foi, no conjunto, um dia de êxito para o novo parceiro de irrigação. É compreensível a excitação do país (e o nosso). No passado, o planeamento e a implementação de irrigação foram sobretudo realizados por prestadores de serviços estrangeiros que, após a conclusão do projecto, saem de Angola. Com a inauguração do nosso armazém, a Cherry Irrigation tornou-se o primeiro prestador de serviço permanente (local). O serviço de assistência pós-venda para os nossos projectos também pode ser feito a partir de Quibala para apoiar e servir os produtores e os agricultores.

Esta é a primeira iniciativa do género e faz uma diferença tremenda nas cabeças dos agricultores. Estamos convictos de que iremos igualmente contribuir massivamente para a sustentabilidade dos esforços agrícolas na região, e estamos confiantes de que prosperemos em Angola, juntamente com os produtores e agricultores que ajudamos.

Um brinde à qualidade que cresce!

Facebook
LinkedIn
Instagram